Prefeitura de Guarabira esclarece 'querela' sobre instalação de antena de rádio da polícia na cidade

Terreno foi murado pelo estado sem autorização do município. (Foto: Facebook / Alcides Camilo).  Em nota publicada pela Coordenadoria d...

Terreno foi murado pelo estado sem autorização do município.
(Foto: Facebook / Alcides Camilo). 
Em nota publicada pela Coordenadoria de Comunicação, a Prefeitura de Guarabira esclarece a realidade dos fatos quanto ao processo de instalação de uma antena de radiocomunicação da polícia pelo governo do estado, na cidade. Segundo a comunicação da PMG, uma empresa contratada pelo governo da Paraíba, sem alvará de funcionamento, murou um terreno do município, localizado nas proximidades do memorial Frei Damião, onde será construído pelo gestão municipal, com apoio do ministério das cidades, um centro de comercialização para os vendedores, que comercializam seus produtos no memorial, localizado na Serra da Jurema. 

Ainda conforme a nota, o prefeito Zenóbio entrou em contato com o comandante geral da PM, Cel. Euller, e ofereceu-lhe outro local para instalação da antena, desmistificando a publicação da Codecom, o texto postado em blogs e redes sociais que dizia ter o prefeito negado a autorização de instalação da referida antena. Para o governo municipal tal veiculação em desfavor do gestor, talvez não passe de 'pura exploração política'. Veja a íntegra da nota.

Nota de Esclarecimento

Uma empresa contratada pelo Governo do Estado, sem alvará da Prefeitura, murou um terreno de propriedade do Município para instalação de uma antena, área do Memorial de Frei Damiao. Ocorre que na citada área a Prefeitura tem um projeto já aprovado pela engenharia da Caixa Econômica Federal para construção de um Centro de Comercialização Popular, obra já licitada e contratada, em parceria com o Ministério do Turismo e destinado aos vendedores que hoje comercializam seus produtos em barracas expostas ao sol e chuva.

O Prefeito Zenóbio procurou o Cel. Euler Chaves, Comandante Geral da Polícia Militar, para relatar o ocorrido e recebeu a visita de uma equipe da Secretaria da Segurança. Explicado o ocorrido, foi disponibilizado outra área distante aproximadamente 60 metros de onde seria instalada a mencionada antena. A equipe da secretaria ficou de voltar e realizar a futura obra da colocação da antena.

Esta é a realidade dos fatos, o resto talvez seja pura exploração política.

Sem mais, nos colocamos à disposição para demais esclarecimentos. 

Guarabira, 13 de julho de 2017

Cid Cordeiro
Coordenador Geral de Comunicação”



LEIA TAMBÉM

POLITICA 2435296924845293698

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailler

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item