Header Ads


Camila pede convocação do superintendente do Detran para falar sobre suspensão de venda de carros

MUDANÇA DE EMPRESAA deputada estadual Camila Toscano (PSDB) apresentou requerimento na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) convocando o superintendente do Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran), Agamenon Vieira, para prestar esclarecimentos sobre a troca de empresa que vem impossibilitando a comercialização de veículos financiados no Estado.

“Precisamos de explicações sobre esse grave problema que vem gerando prejuízos para os consumidores, empresas e para o próprio governo, que deixa de arrecadar. Para se ter ideia, em uma semana com as vendas paradas, o prejuízo já chega a R$ 18 milhões. Queremos uma solução definitiva para este problema, pois não se faz uma mudança dessa sem a segurança que o sistema irá funcionar”, comentou.

O Detran substituiu a Cetip, detentora do Sistema Nacional de Gravames, pela Bunkerteck, que possui sistema próprio e restrito aos registros na Paraíba. A operação do Detran com a nova empresa teve início na semana passada e, desde então, as instituições financeiras se recusam a financiar veículos com a as informações da Bunkertech. Os bancos alegam que sem o sistema integrado, não há garantias de que o carro a ser financiado não tem restrições em outros estados. O gravame garante que o carro fica alienado, dado como garantia no financiamento.

Nesta quinta-feira (17), a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) publicou uma carta aberta com críticas à decisão do Detran de trocar a empresa responsável pela inclusão e baixa de gravames sem que isso fosse discutido com o mercado de venda de veículos. “O que nos cabe é buscar com veemência condições de atender o consumidor paraibano, de proporcionar condições legais adequadas à venda de nossos produtos, e por fim gerar condições mínimas para que nossa atividade continue a existir e gerar emprego, desenvolvimento e renda em nosso Estado”, diz a carta. (De Assessoria)

Nenhum comentário