Prévias: em João Pessoa, Dória destaca que PSDB é opção para o fim da polarização política do país

Foto: Divulgação / Ascom. 
O governador de São Paulo que disputa as prévias do PSDB para ser candidato à presidência da República, João Doria, defendeu o fim da polarização política do país para o avanço econômico e social do Brasil. Ele esteve em João Pessoa neste sábado (23), dialogando com lideranças do partido. Também se reuniu com empreendedores e fez uma vista ao Hospital Napoleão Laureano, além de conceder entrevista coletiva à imprensa. 

“Não estigmatizo nem a esquerda e nem a direita. Eu não gosto é do extremismo. Porque o extremistas gostam de impor. Não sabem dialogar e administrar as diferenças. Os extremistas são inclinados aos regimes totalitários e ditatoriais e eu sou completamente contrário a esse tipo de governo. Por isso, eu sou contra essa polarização extremista no Brasil”, afirmou. 

Doria ressaltou o perfil democrático do PSDB e exaltou é um partido sem dono e que vem dando exemplo de democracia com a realização das prévias. "Estamos dialogando para trazer uma opção para todos aqueles que não querem Lula, nem Bolsonaro. Aqueles que são a favor do Brasil. O PSDB é um partido sem dono. E esse tem sido seu principal diferencial”, pontuou.

Acompanhando o governador de São Paulo, João Dória, estiveram os os deputados federais Ruy Carneiro, Edna Henrique e Pedro Cunha Lima; e os deputados estaduais Camila Toscano e Tovar Correia Lima. 

Empreendedores - O governador de São Paulo dialogou com o cerca de 40 empreendedores do grupo Soma, que é uma comunidade empresarial na Paraíba, e também com lideranças do seguimento partidário do PSDB no estado (PSDB Mulher, Tucanafro, Diversidade Tucana e PSDB Ambiental). Ele ressaltou os aspectos da sua gestão à frente do Governo e suas ideias para desenvolver o país. 

“O Brasil não se desenvolve como nação porque o Governo não não é federativo. Temos uma administração desagregadora, que não consegue focar nas potencialidades de cada região da nação. Por isso, que chegando a Presidência, vou assumir pensando em gestão e não em eleição. Essa tem que ser a prioridade. Gestão não é eleição, gestão é você governar para todos, esse é o sentido da gestão”, afirmou. 

Napoleão Laureano -  No início da manhã, ele participou de visita ao Hospital Napoleão Laureano. Ele destacou a estrutura da unidade e ressaltou que deve ser vista como um exemplo para o Brasil. 

"É impressionante a estrutura e modernidade que existe no Hospital Napoleão Laureano, que realiza atendimento para pacientes do Sistema Único de Saúde. É um exemplo a ser levado para todo o país, principalmente com relação a forma que os recursos são destinados", pontuou João Dória. (*) Assessoria

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário