Marcelo Bandeira toma posse como prefeito interino de Guarabira

Foto: Codecom / Edição Plugados. 
O presidente da Câmara Municipal Marcelo Bandeira assinou o termo de posse do cargo de prefeito de Guarabira na manhã desta terça-feira (1/12) durante solenidade realizada na plenária da Casa Osório de Aquino.

O ato ocorreu após a leitura da ata de posse, feita pelo chefe de gabinete Aguiberto Lira, seguida pela assinatura do prefeito Marcus Diogo, que após a transição do cargo ficará ausente por nove dias para gozo de férias, dando a Marcelo a incumbência de gerir interinamente os destinos do município durante este período. Na ocasião, o atual vice-presidente da Câmara Renato Toscano tomou posse do cargo pelo mesmo período à frente da Casa Osório de Aquino.

Diversos representantes da gestão municipal marcaram presença na solenidade, como os secretários Robério Arnaud (Indústria e Comércio), Gracina Pontes (Educação), Neno do Carrasco (Agricultura), Fernanda Macedo (Saúde), Elias Asfora (Ação Social), Douglas Nóbrega (Administração e Recursos Humanos), Alcides Camilo (Sumasa), Cláudio Melo (Finanças), Gilberto Machado (STTRANS), Tarcísio Pereira (Cultura e Turismo).

Também foram registradas as presenças dos vereadores Raimundo Macedo, Lula das Molas, Wilsinho, Saulo de Biu, Junior Ferreira, Michel do Empenho, os vereadores eleitos Zé do Empenho, Gerson do Gesso e Isaura Barbosa. E, ainda, a ex-prefeita de Mulungu Darc Bandeira e o seu esposo Ricardo Bandeira; cunhada e irmão de Marcelo, respectivamente, a sua esposa Mônica Bandeira e seus três filhos, além da sua mãe, Dona Cilene Bandeira.

O quantitativo de pessoas presentes na Câmara, tal como a higienização, foi controlado mediante os critérios de distanciamento exigidos pela Organização Mundial de Saúde em razão do combate ao novo coronavírus. 

Em seu discurso, Marcus Diogo destacou a importância em atuar de acordo com a nova política, onde não há revanchismos partidários e que o espírito de democracia seja predominante no trabalho de todos. O gestor também exaltou a presença da mãe de Marcelo Bandeira na Câmara, dona Cilene, numa referência ao papel fundamental da família na vida do ser humano.

Por sua vez, o (agora) prefeito interino Marcelo Bandeira fez uso da palavra e demonstrou o quanto se sente honrado em ocupar, embora interinamente, o cargo de prefeito de Guarabira. Nesse momento, Marcelo lembrou do ex-prefeito Zenóbio Toscano, o qual se considera como sua “cria”, que a quatro anos atrás o lembrou da responsabilidade em assumir o cargo de presidente da Câmara, além de que seria capaz de exercer tal função devido aos seus anos de experiência.

SucessãoMarcus Diôgo foi empossado como vice-prefeito em 2017, assumindo a titularidade do cargo após o falecimento do prefeito Zenóbio Toscano, sendo assim, ao precisar se afastar, de imediato assume o presidente da Câmara Municipal. (*) Com Codecom PMG


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário