Sargento dos Bombeiros é preso após sequestrar namorado de ex-noiva em Campina Grande, PB

Um sargento do Corpo Bombeiros Militar, com sede em Campina Grande, foi preso na manhã desta segunda-feira (28) após sequestrar o atual namorado da ex-noiva. O homem estava armado e foi detido por policiais militares na saída de Campina Grande para Queimadas, nas proximidades de um motel, após a vítima provocar um acidente e fazer com que os dois caíssem da motocicleta na qual estavam. Detalhe: o sargento estaria utilizando um colete de mototaxista e foi reconhecido pela ex-noiva logo após retirar o capacete e ser preso pela polícia.

O homem não aceitaria o fim do relacionamento, que teve um término há cerca de um ano. Da sexta para o sábado, ele teria depredado um carro da ex-noiva, arranhando o veículo e furando os quatro pneus. Mas como eles não tinham contato, ela não desconfiou inicialmente dele.

Nesta segunda, ele abordou o namorado da ex nas proximidades do Estádio Amigão por volta de 7h30. O bombeiro abandonou a moto na qual estava e armado foi na garupa da vítima. O homem foi levado para um matagal e levou várias coronhadas nas costas, segundo relatou à polícia.

O homem foi salvo porque os amigos sentiram falta dele no trabalho e entraram em contato com a namorada. Juntos, eles saíram procurando o homem pela cidade, até que que cruzaram com a vítima e o suspeito. O grupo chamou a polícia e auxiliou nas buscas, até que por volta de 10h o sequestro teve um desfecho

O sargento foi levado para a Central de Polícia. Ele estava com uma carta na qual descrevia tudo que iria fazer. O desfecho seria com a ex-noiva e a vítima do sequestro decidindo quem seria morto por ele.

Quadro depressivo

O bombeiro estaria enfrentando um quadro depressivo há algumas semanas. O homem foi conduzido para a Central de Polícia e inicialmente não ficou na carceragem enquanto a vítima prestava depoimento.

Redação Blog do Márcio Rangel com Blog do PP


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário