Corpo de vendedora desaparecida em Goiás é encontrado queimado em saco de lixo

Vanessa Rodrigues. Foto: Reprodução / Arquivo Pessoal Genilva Rodrigues. 
O corpo da vendedora Vanessa Rodrigues da Silva, de 31 anos, que estava desaparecida após ter sido agredida pelo marido, foi encontrado queimado em dentro de um saco de lixo, nesta sexta-feira (27), em Novo Planalto, região noroeste de Goiás. As informações são do G1.

De acordo com familiares, o corpo estava no quintal da fazenda do marido dela, que é apontado pela polícia como principal suspeito do crime.

Vanessa estava desaparecida desde o último dia 11. Segundo a polícia, o marido se tornou o principal suspeito pelo seu desaparecimento após ela pedir socorro a vizinhos quando era agredida por ele, em Porangatu.

A família procurou a polícia cinco dias após ter perdido contato com ela. No mesmo dia em que o boletim de ocorrência foi registrado, o delegado responsável pelo caso foi até a casa do marido e encontrou arma e munição.

Ele foi preso, mas pagou fiança e deixou a delegacia antes de ter a prisão preventiva autorizada pela Justiça. Desde então, ele segue foragido e é investigado por feminicídio. (*) Istoé


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário