Guaraves, em nota diz que segue funcionando conforme cuidados e medidas preventivas recomendadas pelos órgãos de saúde

Fachada do abatedouro Bom Todo, do Grupo Guaraves, localizado na Rod. PB 057 em Guarabira. Foto: Reprodução / Google Street View. 
O Grupo Guaraves , com sede em Guarabira, foi alvo nos últimos dias de afirmações nas redes sociais e em alguns sites de notícias, que as indústrias Guaraves Alimentos e Frango Bom Todo – seriam os locais do foco de coronovirus na cidade e, que funcionários testados positivos para covid-19 estariam retornando ao trabalho - o que fez internautas se apavorarem e em seus comentários pedirem o fechamento das fábricas.

Em razão disto a Guaraves se pronunciou através de uma nota à imprensa na manhã deste domingo (3); onde diz que suas indústrias seguem funcionado de acordo com o que recomendam a Secretaria Especial de Trabalho do Ministério da Economia, o Ministério Público do Trabalho e do Setor de Saúde e Segurança do Grupo Empresarial, através da adoção de diversas medidas que visam preservar a saúde e segurança dos seus funcionários nas fábricas, lojas e escritórios.

“Diante da responsabilidade com seus colaboradores e do compromisso com a sociedade em geral de manter suas atividades de natureza essencial, as quais visam garantir o abastecimento da população nesse momento de desafio para todos, o Grupo Guaraves passou a adotar medidas de prevenção às infecções e transmissibilidade da COVID-19 (Coronavírus) ”, destaca a nota. Entre estas, o afastamento dos colaboradores que compõem o grupo de risco e daqueles que apresentarem sintomas característicos do Coronavírus.

Veja a íntegra da nota do Grupo Guaraves, assinada pelo seu diretor-presidente, Ivanildo Coutinho.


@RedaçãoPlugados
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário