“Não devemos temer o que dizem de nós. Precisamos saber quem somos”, sustenta dom Aldemiro ao citar Rede Globo e ataques à Igreja

GUARABIRA - Na oportunidade, o pastor diocesano lembrou que a Igreja, assim como Maria, enfrenta muitas adversidades e citou a Rede Globo de Televisão, numa referência "indireta" a recente postura de ataques à Igreja assumida pela emissora. 

Na noite desta quarta-feira (23/01), Dom Aldemiro Sena, bispo diocesano de Guarabira, presidiu a Santa Missa solene de abertura dos festejos alusivos à Nossa Senhora da Luz. Ele estava ladeado do padre Kleber Rodrigues, administrador paroquial da Catedral e de outros sacerdotes, diáconos, seminaristas e religiosas. Uma grande assembleia acompanhou a solenidade.

Durante sua homilia, Dom Aldemiro destacou o papel de Maria no plano de salvação da humanidade. “Humildemente Maria se fez serva do Senhor e se tornou o primeiro sacrário e morada de Deus na terra”, pontuou.

Na oportunidade, o pastor diocesano lembrou que a Igreja, assim como Maria, enfrenta muitas adversidades e citou a Rede Globo de Televisão, numa referência “indireta” a recente postura de ataques à Igreja assumida pela emissora. No último domingo (20/01) foram veiculadas reportagens contra a Igreja Católica, especificamente contra a Arquidiocese da Paraíba.

“Não devemos temer o que dizem de nós. Precisamos saber quem somos. A Igreja Católica é, além de outras coisas, a maior instituição de caridade do mundo, basta vermos os hospitais, orfanatos, escolas, abrigos espalhados pelo mundo”, bradou dom Aldemiro.

A programação do novenário segue até o dia 02 de fevereiro – Dia da padroeira. Diariamente haverá Missa às 6h, novena às 16h e 19h.

Pascom – Pastoral da Comunicação 
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário