Diocese de Guarabira completa 36 anos; Bula foi assinada por João Paulo II em 1980

Dom Marcelo Pinto, primeiro bispo da DG e o papa João Paulo II. (Foto: Arquivo / Diocese de Guarabira).  A Diocese de Guarabira foi cria...

Dom Marcelo Pinto, primeiro bispo da DG e o papa João Paulo II.
(Foto: Arquivo / Diocese de Guarabira). 
A Diocese de Guarabira foi criada pelo Papa João Paulo II através da Bula “Cum Exoptaret”, no dia 11 de outubro de 1980, desmembrada da Arquidiocese da Paraíba, da qual era Região Episcopal desde 1976, e instalada como Diocese no dia 27 de dezembro de 1981.

A Diocese de Guarabira (Dioecesis Guarabirensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil, pertencente à Província Eclesiástica de Paraíba e ao Conselho Episcopal Regional Nordeste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB. A sé episcopal está na Catedral Nossa Senhora da Luz, na cidade de Guarabira, no estado da Paraíba.

Em 2013, a Diocese contava com uma população aproximada de 455.000 habitantes, com 88.6% de católicos. O território da diocese é de 4.391 km², organizado em 32 cidades, com paróquias e áreas pastorais.

Dom Marcelo Pinto Carvalheira foi o 1º bispo diocesano. Dom Antonio Muniz Fernandes, o 2º. E Dom Francisco de Assis Dantas de Lucena foi o 3º bispo de Guarabira. Atualmente a Diocese está sob o comando administrativo de Monsenhor José Nicodemos, auxiliado pelo Colégio de Consultores, até que o Vaticano nomeie o novo bispo. (De Pascom / DG)

LEIA TAMBÉM

CAPA 5906663994931246356

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailler

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item