Em sinal de protesto, homem se amarra em portão do INSS em Guarabira

- Alexandre diz ter benefício negado (Foto: Portalmidia).
Com a cabeça enfaixada como se fosse um enfermo, um homem se amarrou com fio no portão da agência do INSS - Instituto Nacional de Seguro Social em Guarabira, na manhã desta terça-feira. Identificado pelo prenome de Alexandre, ele disse a imprensa que faz um protesto em virtude da perícia do instituto ter lhe negado o benefício de auxílio doença.

Ele que ainda disse ter trabalhado há mais de quinze anos, e agora teria sofrido um acidente de moto, estaria sendo acompanhado por um médico, e estaria sem condições de trabalhar.
 

De posse de dois cartazes com dizeres “SOS refém do INSS” e “Luto” – Alexandre também falou que frequenta o CAPS e que toma medicamento controlado. "Não vou parar o protesto", afirmou.
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário