Pai ‘carrega’ filha de 4 anos, a mantém em cárcere privado, mas é detido pela policia

M ãe da menina acionou a polícia, informando que o pai de sua filha não queria lhe devolver a criança. Caso ocorreu em Monteiro, no Cariri p...

Mãe da menina acionou a polícia, informando que o pai de sua filha não queria lhe devolver a criança. Caso ocorreu em Monteiro, no Cariri paraibano.

- Delegacia de Monteiro (Foto: Ilustrativa / Secom-Pb) -
Policiais militares do Grupamento de Ações Táticas Especiais (Gate), no município de Monteiro, libertaram, na tarde desta quinta-feira (14), uma criança de 4 anos, que estava sendo mantida em cárcere privado pelo pai, Alexsandro Ribeiro da Silva, de 33 anos. A mãe da criança havia acionado a Polícia Militar e informado que o pai de sua filha tinha levado a menina e não queria devolvê-la.

Policiais do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM) localizaram o suspeito, que saiu em alta velocidade em uma motocicleta com a criança. A Polícia Militar saiu em perseguição, mas, para não colocar em risco a vida da menina, observou à distância e montou uma barreira na entrada da cidade de Sumé. O homem, porém, não passou pela barreira. Após algum tempo, a mãe da menina informou que Alexsandro estava trancado em casa com a criança.

Alexsandro permaneceu por um tempo com a criança dentro de um quarto da casa. No interior da casa estava também a mãe do suspeito, de 73 anos. Os policiais tentaram negociar, mas ele não aceitou. Diante da situação, O Gate foi acionado e fez diversas tentativas de negociar com o suspeito para que liberasse a criança e se entregasse, mas ele resistiu em negociar.

Segundo os policiais militares do Gate que participaram da prisão, por alguns minutos Alexsandro dialogou com a equipe do Gate, porém, após um tempo, ele ficou em silêncio e o negociador não conseguiu mais contato com ele. Diante disso, a os policiais decidiram ser necessária a intervenção e entrada na residência.

O homem ofereceu resistência, mais foi detido com o uso de dispositivo de condução elétrica (taser) e, em seguida, imobilizado. A criança foi libertada e o pai conduzido à 14ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, na cidade de Monteiro. (Com Secom-Pb)

LEIA TAMBÉM

POLICIAL 3483842661793423717

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailler

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item