Governo implantar TCM pode, investir na blindagem das viaturas da polícia, não

- Viatura da PMPB alvejada a bala durante troca tiros com bandidos em Patos. > Foto: PatosTv. O projeto de lei do deputado Frei An...

- Viatura da PMPB alvejada a bala durante troca tiros com bandidos em Patos.
> Foto: PatosTv.

O projeto de lei do deputado Frei Anastácio (PT) que pedia ao Governo do Estado, a blindagem das viaturas policiais, sendo um investimento para garantir a segurança do policial civil ou militar – foi vetado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). Já a ideia de se implantar o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que segundo o conselheiro Arthur Cunha Lima, presidente do Tribunal de Contas do Estado, deverá custar mais de 90 milhões de reais aos cofres públicos. Além de ser motivo de polêmica em todo o estado, não se surpreendam se for aprovado pela Assembleia Legislativa, e que receba o sinal positivo do chefe dos girassóis paraibanos.

No veto Ricardo alegou que o projeto de Frei Anastácio é inconstitucional, e que gera uma despesa considerada, e tão somente o Estado é quem deve criar um projeto dessa natureza; sendo mais claro, ele também quis dizer que não tem dinheiro para arcar com o serviço.

O autor do projeto justificou que os policiais estão em constante ameaça durante o exercício da profissão.
- Não são poucos os casos de policiais baleados e mortos ou sequelados durante sua labuta, justamente, por falta de veículos que ofereçam proteção balística – destacou Frei Anastácio.

LEIA TAMBÉM

POLITICA 7576765681230259497

Postar um comentário

  1. É um absurdo criar um cabide de empregos para deputados no custo de 90 milhões por ano, ao invés de melhorar a situação da polícia.
    O
    Povo não quer TCM quer segurança e saude

    ResponderExcluir
  2. O pior é que esse TCM irá tirar dinheiro para pagamento da folha e o destinará para esse novo órgão, ou seja a situação dos policiais vai piorar muito

    ResponderExcluir

emo-but-icon

VÍDEO / trailler

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item