Rio: operação no Jacarezinho tem pelo menos 25 mortos

Entre as vítimas fatais está um policial civil. Operação é realizada para prender traficantes que aliciam menores de idade para o crime. 

Foto: Daniel Castelo Branco / O Dia. 
A operação da Polícia Civil no Jacarezinho, na Zona Norte do Rio, deixou, ao menos, 24 suspeitos e um policial civil da Delegacia de Combate às Drogas mortos, cinco pessoas baleadas e dez suspeitos presos, na manhã desta quinta-feira (6).

A Operação Exceptis, foi realizada para prender criminosos que foram identificados em investigações que estariam recrutando crianças e adolescentes para o mundo do crime. Além do tráfico de drogas, os criminosos respondem pelos crimes de homicídio, formação de quadrilha e sequestro de trens. 

Cerca de 200 agentes da Polícia Civil participaram da operação. Policiais militares apoiaram a operação, impedindo a fuga de criminosos pela linha férrea. A Secretaria Estadual de Polícia Civil realizou uma coletiva ao fim da operação, onde foi apresentado o balanço final. 

Entre os feridos estão dois agentes da Polícia Civil e dois passageiros do MetrôRio, baleados dentro de uma composição que passava pela estação Triagem. 

Enquanto baleados davam entrada no Hospital Municipal Salgado Filho, policiais chegavam à Cidade da Polícia, a poucos metros da entrada do Jacarezinho, com grande quantidade drogas e armas apreendidas. Até uma espécie de míssil foi encontrada pelos agentes no interior da comunidade. (*) O Dia Online


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário