Filho morre atingido por tiro acidental da espingarda do pai ao subir em moto

Fato ocorreu na zona rural de Juína, no interior do Mato Grosso. Arma estava nas costas do pai e disparou no momento em que o rapaz pulou na garupa. 

Rafael foi atingindo no queixo ao subir na garupa da motocicleta do pai. Foto: Reprodução / Redes Sociais. 
Um jovem morreu atingido por um tiro acidental da espingarda do pai dele na noite desta terça-feira (9) na zona rural de Juína [no interior do Mato Grosso], a 737 km da capital Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, Rafael Agostinho da Silva, de 20 anos, foi atingido no queixo ao subir na garupa da motocicleta do pai. A arma estava acomodada nas costas do pai dele e disparou.

De acordo com o pai do jovem, ele e o rapaz trabalhavam na construção de uma casa e deixavam o local para ir jantar. O pai ligou a moto e o filho pulou na garupa, momento em que a espingarda teria disparado e ferido o rapaz.

Ao ver o filho baleado, o pai o arrastou até a casa e saiu para pedir socorro em uma cerâmica. Uma ambulância foi chamada, mas o rapaz já estava sem vida.

O suspeito disse aos policiais que a espingarda é uma herança do pai dele e que não tinha registro dela. A arma foi apreendida e o suspeito levado para prestar depoimento na Polícia Civil. (*) G1


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário