Deputado parabeniza padre Adauto após criticas a Bolsonaro: “além de imoral é mentiroso”

O padre Adauto e o deputado estadual Tião Gomes. Foto: Divulgação. 
Após criticas do pároco da Paróquia de Nossa Senhora de Guadalupe, no município de Guarabira, no Brejo paraibano, padre Adauto Tavares Gomes, que chamou a atenção da população em geral e dos fiéis ao dizer que o presidente da República, Jair Bolsonaro, era “imoral” e “genocida”, o deputado e vice-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Tião Gomes (Avante), parabenizou a coragem do religioso e afirmou que concorda com tudo que foi dito.

Padre Adauto, em sua homilia dominical também chamou o chefe do Executivo de ‘irresponsável’ diante da postura que adotou frente à pandemia do coronavírus no Brasil.

Tião Gomes disse que só ouviu verdades e que o Brasil precisa de mais pessoas corajosas iguais ao Monsenhor Adauto. O parlamentar também citou as informações distorcidas em relação aos repasses do Governo Federal aos Estados.

“Além de imoral e irresponsável por não valorizar a vida da população desde o começo da pandemia, Bolsonaro mostrou que é mentiroso ao maquiar e divulgar falsos números de repasses para o nosso Estado em 2020. Ele divulgou valores que incluem FPE, FPM, Auxílio Emergencial como se tivessem sido destinados apenas para o combate à pandemia, porém, esses recursos são obrigações constitucionais e não podem ser usados no combate ao coronavírus. Acosto-me a tudo que foi dito por Monsenhor Adauto e também pelo governador João Azevêdo. Os governadores e os municípios são vítimas desse monstro que está comandando nosso país e que veio apenas para destruir o Brasil”, afirmou Tião Gomes. (*) ParaibaRadioBlog


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário