Boas notícias: em dez dias, Guarabira consegue recuperar mais de mil casos de Covid-19; restam apenas 517

A sede da Secretaria de Saúde de Guarabira. Foto: Ivanildo Santos / Plugados. 
Durante esses cinco meses de pandemia e isolamento social, muitos municípios estão aumentando o número de casos confirmados de Covid-19. O que não vem a ser o caso de Guarabira, no brejo paraibano.

O trabalho voltado ao combate e prevenção do coronavírus desenvolvido pela Prefeitura Municipal, através da secretaria Municipal de Saúde, tem apresentado bons resultados no que se diz respeito a recuperação dos pacientes infectados pelo vírus. Segundo as informações divulgadas no portal da prefeitura, nos últimos dez dias, foram recuperados 1.032 pacientes, restando apenas 517 casos ativos. 

O município que já alcançou a marca de mais de três mil casos confirmados, conseguiu recuperar mais de 84% dos pacientes. O bom resultado é consequência das diversas ações desenvolvidas pela gestão municipal, que desde o aparecimento dos primeiros casos, dedicou a atenção e os trabalhos ao combate do vírus e a redução dos danos causados.



Confira os serviços desenvolvidos pelo município para o apoio aos pacientes acometidos por COVID-19:

1. Visita epidemiológica para pacientes que testaram positivo para COVID-19 com o objetivo de visualizar o contexto social do paciente e reforçar as orientações, buscando assim minimizar a cadeia de transmissão do vírus, distribuição de máscaras e panfletagem. Realizada de domingo à domingo. 

2. Contato telefônico a cada 48 horas, feito por equipe de enfermeiros, para os pacientes positivos com intuito de esclarecer dúvidas, apoiar e orientar que em caso de piora do do quadro em qualquer momento deve ser procurado assistência médica.

3. Unidades de Saúde prontas para atendimento e testagem de casos suspeitos.

4. Abordagem de ônibus vindos de fora com verificação de temperatura, orientações e panfletagem. Sempre enfatizando a necessidade de isolamento e procura de assistência médica em caso de sintomas suspeitos.

5. Barreiras sanitárias nas entradas da Cidade nos sábados e quartas, dias em que existem maior movimentação de pessoas entrando na cidade pela cultura da feira livre.

6. Sanitização dos pontos de maior movimento diário na cidade como bancos, casas lotéricas, praças públicas.

7. Bombeiros civis em diversos pontos de possível aglomeração, orientando o distanciamento.

8. Testagem dos profissionais de saúde ativos e na linha de frente.

9. Testagem de Bombeiros Civis, Policia militar.

10. Testagem de profissionais das Secretarias de Meio ambiente e limpeza urbana.

11. Testagem em domicílio de idosos acamados com sintomas de COVID-19.

12. Atendimento de fisioterapia para idosos que retornaram de longas internações e apresentaram algum tipo de limitação física.

13. Testagem de pacientes notificados no E-notifica e que estavam até 30 dias do início dos sintomas, e que, por falta do teste, não tiveram diagnóstico fechado.

14. Testagem dos idosos do Cidade Madura.

15. Testagem dos idosos do Abrigo São Vicente.

16. Serviço de “disk Covid” com esclarecimentos de dúvidas.

17. UBS com novo fluxo de atendimento diário, sendo duas específicas para o atendimento aos fins de semana (UBS Nordeste I e UBS Santa Terezinha).

As informações são da SMS / PMG


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário