Morre o artista Daniel Azulay, aos 72 anos, vítima de coronavírus

Daniel Azulay sofria de leucemia e contraiu o novo coronavírus. Foto: Divulgação / Facbook. 
Morreu nesta sexta-feira (27/3) o artista Daniel Azulay, vítima do coronavírus. Segundo o perfil oficial, ele faleceu à tarde, no Rio de Janeiro. Ele estava tratando uma leucemia e contraiu o vírus. 

"Sua alegria continuará em todos nossos corações para sempre. Faremos rezas virtuais para ele nos próximos dias em virtude do isolamento. Daniel, Te amamos!!!", publicou.

Azulay era um artista plástico, educador, desenhista e autor de vários livros infantojuvenis. Nascido no Rio de Janeiro em 30 de maio de 1947, formou-se em direito mas ficou famoso por publicar histórias em quadrinho e cartoons em revistas e jornais.

A grande criação do artista foi a Turma do Lambe-Lambe, que repercutiu na linguagem de quadrinhos e ganhou formato televisivo durante 10 anos consecutivos nas redes Bandeirantes e Educativa. (*) Correio Brasiliense



Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário