Aos 66 anos, morre Marcos Antônio, conselheiro do TCE da Paraíba

Marcos Antonio da Costa morreu de falência múltipla dos órgãos. Foto: Divulgação. 
O conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba, Marcos Antônio da Costa, morreu nesta sexta-feira (9), aos 66 anos, vítima de falência múltipla dos órgãos. Ele estava internado em um hospital particular de João Pessoa.

Por meio de nota, o presidente do TCE-PB, conselheiro Arnóbio Viana lamentou a morte de Marcos. “A notícia deixa a todos nós, que fazemos o Tribunal de Contas, extremamente consternados”, diz comunicado.

O velório será realizado na Central de Velórios e Crematório Caminho da Paz, na estrada de Cabedelo.

Natural de Itaporanga, nascido em 6 de janeiro de 1953, Marcos exerceu a advocacia  de 1979 a 1986, e atuou como advogado da Procuradoria Geral do Estado da Paraíba.

No setor público, atuou na Secretaria de Interior e Justiça da Paraíba, secretarias de Saúde e da Segurança do Maranhão, Fundação do Bem Estar do Menor (MA), Departamento Estadual de Trânsito do Estado da Paraíba e Prefeitura Municipal de João Pessoa.

Marcos Antônio da Costa foi nomeado em 15 de outubro de 2015, por ato governamental, conselheiro titular do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

Confira a nota na íntegra:

“É com profundo e imenso pesar que comunicamos o falecimento do conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba, Marcos Antônio da Costa ocorrido nesta sexta-feira (09), em João Pessoa, ocasionado por falência múltipla de órgãos.

A notícia deixa a todos nós, que integramos o TCE, extremamente consternados. Marcos Costa tinha 66 anos, deixa viúva, duas filhas e um neto.

Que Deus o receba e guarde num lugar muito especial. À família, nossos mais sinceros pêsames.”

MaisPB
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário