Zenóbio se diz surpreso e que ação do MP pedindo bloqueio de seus bens é ‘descabida e absolutamente improcedente’.

Da ação em questão, lembra ainda o atual prefeito de Guarabira, de ter suas contas referente a 2013 aprovadas por unanimidade pelo TCE e CMG.
O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano, através de sua assessoria emitiu uma nota de esclarecimento nesta sexta-feira (24), sobre notícia de suposta prática de atos de improbidade administrativa ocorrido na sua gestão anterior, em 2013, e por isso o MPPB teria pedido bloqueio de seus bens; ele se disse surpreso, pois o Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) e a Câmara de Vereadores de Guarabira aprovaram por unanimidade as suas contas relativas a este ano.

Para Zenóbio, que está em seu terceiro mandato como prefeito de Guarabira, a referida ação ‘é descabida e absolutamente improcedente’. Confira a integra da nota:

'NOTA DE ESCLARECIMENTO

Diante da matéria veiculada nos portais de notícias quanto à informação de que o Ministério Público da Paraíba teria pedido o bloqueio de bens por suposta prática de atos de improbidade administrativa, o Sr. Zenóbio Toscano de Oliveira, Prefeito do município de Guarabira, através do presente, esclarece que restou surpreso com a divulgação do ajuizamento de tal ação pelo Ministério Público, sobretudo porque referida ação teria tido como fundamento as contas relativas ao ano de 2013, que foram devidamente apresentadas ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba e que, cumpre destacar, restaram aprovadas por unanimidade pelo Pleno da Corte de Contas paraibana, posteriormente ratificadas pela Câmara de Vereadores do município.

Portanto, resta evidente que, para o que alegado pelo MPPB, não se verificou e/ou subsiste qualquer irregularidade quanto aos atos de gestão, seja na contratação de profissionais do setor artístico, seja na compra de combustível para a frota veicular do município, pelo que referida ação se mostra descabida e absolutamente improcedente.

Por fim, imperioso salientar que demais esclarecimentos serão apresentados em momento oportuno nas instâncias devidas.

Guarabira/PB, 24 de maio de 2019.'



@RedaçãoPlugados
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário