Jovem mata pais, comete suicídio e deixa cena macabra para trás no ES

No apartamento a polícia encontrou uma Bíblia com páginas arrancadas. Haviam crucifixos invertidos desenhados nas paredes. Pai do garoto era pastor batista. 

Reprodução. 
Policiais encontraram uma cena caótica no apartamento na Praia da Costa, em Vila Velha (ES), onde um filho matou os pais na madrugada desta quarta-feira (4). No chão, haviam páginas arrancadas de uma Bíblia. Nas paredes e no chão, estavam pintados com crucifixos invertidos. Haviam também garrafas de bebida espalhadas.

O casal, o médico urologista e pastor da Igreja Batista Missão Praia da Costa, Paulo de Oliveira César, de 68 anos, e Raquel Heringer Cesar, de 61 anos, foram mortos a facadas pelo filho, Guilherme Heringer Cesar, de 22 anos, segundo a polícia.

Segundo levantamento dos agentes, os pais dormiam em quartos separados e o filho atacou primeiro a mãe, com um golpe de faca no pescoço.

Em seguida, o pai teria escutado o movimento e corrido para o banheiro, mas foi alcançado pelo jovem. Ele tentou lutar, mas acabou morrendo esfaqueado.

A polícia encontrou o corpo de Raquel enrolado em um lençol em cima da cama e o de Paulo no banheiro, atrás da porta.

Após o crime, Guilherme teria encaminhado uma mensagem para um familiar dizendo que teria cometido uma "besteira". De acordo com a PM, por volta das 04h, o rapaz teria tirado a própria vida.

Os corpos foram encontrados pelo familiar que recebeu a mensagem. Ele acionou a polícia e os corpos foram encaminhados ao Departamento Médico Legal de Vitória.

Além dos corpos dos pais, os agentes encontraram diversos símbolos satânicos. Em um cartaz, o garoto teria escrito: "Festejai o céu. O diabo desceu até vós, pouco tempo lhe resta". O versículo faz referência ao livro de Apocalipse.

Haviam também cruzes invertidas desenhadas na parede e um recado em uma página da bíblia: “ele me obrigou”.

O caso foi registrado como duplo homicídio com uso de arma branca, segundo a Polícia Civil. De acordo com informações apuradas pelo Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa, o suspeito, filho do casal, cometeu suicídio logo após o crime.

A arma do crime foi apreendida e encaminhada para perícia. Ainda serão conduzidas investigações. (*) Yahoo

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário