Romero afirma que não mudou de ideia em relação a Bolsonaro

Ex-prefeito de Campina Grande defende palanque diverso para presidente da República contra tentativa de reeleição do atual governador.

Foto: Recorte / Divulgação / Sony Lacerda. 
A polêmica em torno do grupo de oposição na Paraíba para as eleições do próximo ano ganhou um novo capítulo.

Alguns integrantes do grupo contra o governador João Azevêdo (Cidadania), a exemplo do deputado Ruy Carneiro (PSDB) e do ex-prefeito de Campina Grande e pretenso candidato ao governo, Romero Rodrigues (PSD), têm defendido um palanque diverso para presidente da República.

Em síntese: eles querem um só nome para o governo do Estado, mas quando o assunto é presidente, os aliados estão livres para defenderem mais de um postulante.

A ideia vem causando divergências, já que Romero sempre foi apoiador do atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Questionado em entrevista nesta quarta-feira (21) se mudou de ideia com relação ao apoio a Bolsonaro, Romero afirmou que defende pluralidade na chapa.

Ele declarou que seu perfil é pacificador e que precisa buscar apoios para o seu projeto.

– A gente tem que conversar, dialogar, buscar o entendimento, compromisso de unidade. É do meu perfil natural ser pacificador, não tem nada de mudança. Eu apoiei a candidatura de Jair Bolsonaro, recebi ele várias vezes em Campina Grande, mas a gente está num processo eleitoral, é preciso buscar apoios, para somar – pontuou. (*) Paraibaonline


Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário