Vídeo: candidato a vereador do PSDB é assassinado a tiros durante live

Caso aconteceu na cidade de Patrocínio, no interior de Minas Gerais. O autor do crime é Jorge Marra, secretário municipal de Obras e irmão do prefeito da cidade, Deiró Moreira Marra; Cassio Remis foi alvejado ao menos cinco vezes. 

Foto: Reprodução. 
O candidato a vereador Cassio Remis (PSDB) foi assassinado a tiros na tarde desta quinta-feira, 24, enquanto fazia uma live na cidade de Patrocínio, interior de Minas Gerais. O autor do crime é Jorge Marra, Secretário Municipal de Obras e irmão do prefeito da cidade, Deiró Moreira Marra. Remis, que já foi presidente da Câmara de Vereadores, fazia uma transmissão ao vivo na sua página oficial no Facebook em frente à Secretaria Municipal de Obras, para denunciar que funcionários da prefeitura estariam sendo usados para fazer serviços particulares em frente a uma residência que seria o comitê de campanha do atual prefeito.

No vídeo, Jorge Marra aparece saindo de um veículo e interrompe a gravação, tomando o celular de Remis. Segundo a polícia, o candidato foi atrás do secretário para pegar o telefone de volta, quando teria sido alvejado ao menos cinco vezes. Em coletiva, o prefeito lamentou o ocorrido, e disse que o irmão será exonerado do cargo. “A partir de amanhã, estaremos promovendo a exoneração e já está aqui também o decreto fazendo a exoneração do secretário. Estamos promovendo de imediato a exoneração dele, não tenho notícias nem do paradeiro dele, mas que possa fazer a sua defesa e suas argumentações”, afirmou.

Jorge Marra segue desaparecido. Primeiro, houve informações de que ele havia sido suicidado, que foram negadas pelo prefeito. “Eu não sei disso, não tenho contato com ele. Despachei com ele aqui por volta de 13h30/14h. Despachamos coisas da secretaria. É fake news”, afirmou Deiró. A Polícia Civil já está investigando o caso. (*) Com Jovem Pan

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário