Camila lança campanha de combate a violência contra a mulher e realiza blitz contra importunação sexual na Festa da Luz, nesta quarta

A deputada estadual Camila Toscano (PSDB). Foto: Ascom. 
EM DEFESA DA MULHER - A cada um dia três mulheres são vítimas de feminicídio, a cada 2 minutos uma mulher recebe medida protetiva e a cada 11 minutos uma mulher é vítima de estupro. Os dados são alarmantes e fazem parte da campanha “Violência contra Mulher: Não se cale” que será lançada pela deputada estadual Camila Toscano (PSDB) durante a Festa da Luz, que se inicia nesta quarta-feira (29) até o próximo sábado (1º de fevereiro), em Guarabira. Além da distribuição de material educativo, serão realizadas blitzen contra a importunação sexual de mulheres.

Na cidade, será montado um ponto de apoio que contará com a presença de representantes do MPPB, ALPB, Polícia Civil, Tribunal de Justiça e Defensoria Pública. “Nossa intenção é o de alertar e conversar com as pessoas sobre a violência e a importunação, mostrando que é crime. Esse alerta durante a festa se justifica porque a cidade recebe um número alto de turistas nessa época, sem contar a população local”, justifica Camila.

Para a parlamentar, que é presidente da Comissão de Direitos da Mulher na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), essa blitz com a distribuição de material informativo é uma atividade que faz parte de um processo educacional, com o objetivo de mudar mentalidades.

“Sabemos que a violência à mulher existe e é uma realidade em nosso estado. Acredito que para mudarmos as estatísticas dos casos de agressão contra a mulher – seja esta física, verbal ou psicológica –, precisamos, antes de tudo, educar a população, para que mulheres saibam como buscar apoio e homens tenham a consciência dos atos que são ou não uma violência, conscientizando-se de que algumas posturas diante da mulher podem ser tratadas como um ato criminoso”, afirma Camila. *Ascom
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário