Guarabira: lideranças ligadas aos girassóis estariam pedindo saída de Alves do comando governista na cidade

Carta suprapartidária pede audiência com Edvaldo Rosas. 
Célio e Rosas em evento do PSB na CMG. Foto: Reprodução. 
Enquanto o PSB estadual ensaiava uma crise, que veio se consumar agora, em Guarabira a querela já existia há tempo; desde o começo do ano, após João Azevêdo assumir o governo. Onde na terra da luz o jardim dos girassóis se divide por duas alas: os chamados "Nutella"; liderado por Alves/Meireles e "Raiz", que tem a frente o vereador-presidente da Câmara, Marcelo Bandeira.

No último dia 13, lideranças suprapartidárias ligadas aos girassóis ["Raiz"] na ‘Rainha do Brejo’ emitiram uma carta direcionada ao secretário-Chefe de Governo Edvaldo Rosas, solicitando uma audiência com o mesmo.

“(...) gostaríamos de solicitar formalmente a Vossa Excelência uma audiência para discutirmos sobre as políticas públicas do Governo do Estado em Guarabira”, diz trecho da carta, que foi assinada por seis representantes de partidos governistas, inclusive o PSB.

Nos bastidores e nas redes sociais o que se comenta é que o teor da reunião com Rosas seria para pedir o afastamento do radialista Célio Alves do comando das ações do governo na cidade, pois não estariam aceitando Alves como interlocutor.

A carta foi assinada por Silvânia Rodrigues (PSB), Mônica Bandeira (PDT), Bruno Deriu (Avante), Ary Smat (PCdoB), Gilberto Bezerra (PROS) e Ademir Leal (PT).



Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário