Angelita Lucas recebe título de Cidadã Pessoense na Câmara de JP

Servidora da Justiça Federal da Paraíba é homenageada pelo trabalho social que desenvolve. 
Vereadora Helena Holanda (autora da propositura) entrega diploma de cidadania pessoense a Angelita.
(Foto: Crédito / Olenildo Nascimento).
A emoção tomou conta, nesta terça-feira (2), da sessão solene para entrega do Título de Cidadã Pessoense à jornalista e servidora da Justiça Federal paraibana Angelita Lucas dos Santos, natural da cidade de Bananeiras. A propositura foi da vereadora Helena Holanda (PP). Ao receber a honraria, a homenageada não segurou as lágrimas. O diretor administrativo da Justiça Federal no Estado, Cícero Caldas, chefe da jornalista, também ficou emocionado.

“Eu venho da região do Brejo, saí de Bananeiras com onze anos de idade. Trabalhava na roça e pescaria, a gente comia o que conseguia. Em João Pessoa, eu trabalhei como doméstica, mas ainda arranjava tempo para estudar. Com muito esforço e dedicação passei, em primeiro lugar, no concurso público da Justiça Federal”, contou Angelita, que tem sete filhos, sendo um biológico e seis adotivos. As irmãs gêmeas, Geyse e Geysa, filhas de Angelita, estiveram na sessão e não esconderam o orgulho de ver a mãe sendo homenageada.

Residindo na Capital há trinta anos, a servidora pública ressaltou que estava muito feliz em receber a cidadania pessoense, e que a data era marcante. Ela disse que a homenagem é fruto de um trabalho social desenvolvido para ajudar as pessoas que precisam, por exemplo, de um atendimento médico, ou mesmo da intermediação junto à Justiça Federal para conseguir doações para organizações não governamentais e instituições filantrópicas. “Para que eu possa ajudar alguém, eu preciso de outras pessoas”, afirmou.

Para Helena Holanda, é uma honra e uma alegria reconhecer pessoas valorosas, que prestam serviços relevantes à cidade de João Pessoa. “Angelita é uma mulher que está sempre pronta para ajudar as pessoas com deficiência e outras pessoas carentes, que necessitam de apoio e cuidados”, assegurou a parlamentar. “Ela tem um empenho muito grande em ajudar e colaborar com as instituições que trabalham com portadores de necessidades especiais”, reforçou.

Além da vereadora e da homenageada, a mesa foi formada pelo juiz Rudival Gama do Nascimento e pelo servidor Cícero Caldas, da Justiça Federal da Paraíba (JFPB), bem como pela amiga da jornalista, Alice Berta. Os três não pouparam elogios a Angelita. “Uma pessoa extremamente competente, mãe de família e batalhadora”, assegurou o servidor Cícero. “Uma excelente funcionária. Uma pessoa de Deus e de família, isso se reflete no trabalho dela”, enfatizou o magistrado. “Nunca deixou ninguém na mão”, observou Alice.

Paulo de Pádua/Secom/CMPJ

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário