Segundo dia de provas do Enem 2018 terá maior tempo de duração; saiba o que muda

ENSINO SUPERIOR - O Ministério da Educação divulgou nesta quarta-feira (21) o edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Neste ano, os participantes terão mais tempo para realizar as provas e precisam ficar atentos às mudanças durante o período de inscrições. Confira os detalhes:  

Tempo de prova  
No segundo domingo de prova (11 de novembro), os candidatos terão meia hora a mais para responder às questões de Ciências da Natureza e Matemática. Nesse dia, as provas começarão às 13h30 e terminarão às 18h30. No domingo anterior (4), quando serão aplicadas as questões de Ciências Humanas, Linguagens e a Redação, o tempo continua o mesmo do ano passado: das 13h30 às 19h.  

Isenção  
Neste ano, os pedidos de isenção serão realizados antes do período de inscrição. Dessa forma, os candidatos deverão acessar o sistema de isenção e realizar a solicitação entre 2 e 11 de abril. O resultado será divulgado no dia 23 do mesmo mês. Quem não tiver a solicitação aceita, poderá entrar com recurso entre 23 e 29 de abril.  

Critérios  
Tem direito à isenção o candidato que estiver cursando a última série do Ensino Médio, em 2018, em escola da rede pública; que atingiu nota mínima para certificação do ensino médio nas áreas para as quais se inscreveu no Encceja 2017; que tenha cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada; e tenha renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio; ou que esteja em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda. Para os demais candidatos a taxa de inscrição é a mesma de 2017: R$ 82 

Justificativa  
Os candidatos que foram beneficiados pela isenção em 2017, mas não compareceram aos dois dias de prova, devem justificar a ausência para conseguir a liberação da taxa neste ano. O prazo também vai de 2 a 11 de abril. A justificativa só será aceita com documentos como laudo médico ou boletim de ocorrência. Ou seja, não vale apresentar autodeclaração para fazer esse pedido. Mesmo que a justificativa seja aceita, o candidato precisará realizar a inscrição.  


Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério da Educação e INEP
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário