UFC: Donald Cerrone releva desejo em fazer superluta com Anderson Silva

Donald (Foto: Reprodução / Ag.Fight).  Conhecido por não recusar uma luta e estar sempre disposto a subir no octógono contra quem quer q...

Donald (Foto: Reprodução / Ag.Fight). 
Conhecido por não recusar uma luta e estar sempre disposto a subir no octógono contra quem quer que seja, Donald Cerrone parece ter uma lista de atletas que ele gostaria de enfrentar. E entre os nomes cogitados pelo ‘Cowboy’ para possíveis superlutas estão atletas que nem são de sua categoria. Um deles é ninguém menos que Anderson Silva.

Durante uma conversa com a reportagem da Ag. Fight em media day realizado em Anaheim (EUA) na última quinta-feira (27), Cerrone contou que gostaria de enfrentar algumas lendas do MMA. Além do ‘Spider’, o americano manifestou interesse em encarar Georges St-Pierre e B.J. Penn.

“Robbie Lawler é um, o GSP é outro e talvez o Anderson [Silva]. Sempre quis lutar contra o B.J. Penn… Todas as lendas do esporte, contra esses caras que eu quero lutar. […] Com certeza eu lutaria contra ele [Anderson], como recusar uma luta dessas”, declarou.

No próximo sábado (29), Cerrone subirá no octógono do UFC 214 para encarar Robbie Lawler em uma das lutas mais difíceis de sua carreira. E o Cowboy parece ter plena consciência disso. Ao ser questionado se o período de inatividade de ‘Ruthless’ –  que não luta desde julho de 2016 – poderia afetar sua performance, o americano garantiu que não conta com uma queda de rendimento do rival.

“Não, ele é um veterano. Talvez se fosse um cara novo, diante da dimensão do show e da luz das câmeras… Mas ele já fez isso, já esteve lá, já foi o dono do cinturão. Ele está preparado”, afirmou.

Na luta principal do show, Jon Jones enfrentará Daniel Cormier em duelo valendo o cinturão dos meio-pesados (93 kg). E, para Cerrone, que é companheiro de equipe de ‘Bones’, o ex-campeão terá uma vitória fácil diante de DC.

“O Jon Jones vai destruir ele. Vai simplesmente deixar ele envergonhado. O Jon é meu companheiro de equipe, é meu amigo e eu acho que ele vai chegar lá e destruir o Cormier”, opinou.

Após subir de categoria para os meio-médios (77 kg), Cerrone venceu quatro duelos consecutivos até ser superado por Jorge Masvidal em janeiro passado. Aos 34 anos de idade, o Cowboy coleciona na carreira um cartel com 32 vitórias, oito derrotas e uma luta sem resultado.

Ag.Fight

LEIA TAMBÉM

ESPORTE 7813029939145381434

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailer / Cinema

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item