Polícia Civil realiza análises de DNA e identifica autor de cinco estupros na região de Campina Grande e Esperança

A Polícia Civil da Paraíba elucidou a autoria de pelo menos cinco estupros cometidos contra mulheres nas regiões de Campina Grande e Esperança. Exames que analisaram material genético encontrado nas vítimas confirmam que o suspeito Iremar Albuquerque Alves Negreiros, preso por força de mandado de prisão, é responsável pelos crimes ocorridos ainda no ano de 2016 e investigados por equipes da 10ª e 12ª Delegacias Seccionais.

O material genético colhido em uma das mulheres vítimas de violência foi confrontado com outras amostras presentes no banco nacional de perfis genéticos, para que houvesse a confirmação sobre a autoria dos crimes.

Mais detalhes sobre as investigações e prisão serão dados em uma coletiva de imprensa marcada para as 10h desta segunda-feira (8), na Central de Polícia de Campina Grande, com as presenças de gestores da Delegacia da Mulher da cidade e do Instituto de Polícia Científica (IPC).

Secom-Pb
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário