TCE visa pagamentos atrasados e bloqueia as contas da Prefeitura de Curral de Cima; população comemora

TRIBUNAL DE CONTAS -  A população do município de Curral de Cima foi às ruas nesta segunda-feira (19) para comemorar a decisão do Tribunal...

TRIBUNAL DE CONTAS A população do município de Curral de Cima foi às ruas nesta segunda-feira (19) para comemorar a decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) de bloquear as contas da Prefeitura com determinação de que os recursos sejam destinados ao pagamento dos salários dos servidores públicos. Os moradores não suportam mais a forma como o atual prefeito, Nadir Fernandes (PSB), vem governando, principalmente depois que saiu derrotado da eleição em outubro. Os salários de algumas categorias estão com três meses de atraso.

O município vive um verdadeiro caos na administração. O prefeito deixou de pagar salários, dispensou médicos e não adquire mais equipamentos básicos para atendimento. A realidade da Prefeitura de Curral de Cima chegou a ser denunciada ao Ministério Público. Entre as denúncias, está o desvio de recursos no valor total de R$ 90 mil que deveriam ter sido utilizados para implantação de Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e do Centro de Atenção Psicossocial Infantil (Caps).

Entre os problemas relatados está a falta de médico e dentista na Unidade de Saúde de Estacada, maior distrito da cidade; falta de materiais, insumos e equipamentos básicos para atendimento médico e odontológico; falta de medicamentos da farmácia básica; ambulâncias com documentações atrasadas; e ausência de transportes para levar os pacientes que necessitam de atendimento junto ao CAPS de Jacaraú.

A frota de veículos do município também está deteriorada. Os ônibus que serviriam para o transporte escolar estão parados sem manutenção. Alguns encontram-se sem emplacamentos e até sem pneus. Para o prefeito eleito, Totó Ribeiro (PSDB), a situação piora a cada dia, principalmente, pela falta de transparência do atual gestor.

“O prefeito Nadir Fernandes se recusou a realizar o processo de transição de governo e deste outubro abandonou o município. A população está sofrendo sem atendimentos nos postos de saúde e com salários atrasados. Por isso, as comemorações pelo bloqueio das contas da Prefeitura”, disse Totó.

A gestão do prefeito Nadir não se interessa mais pela cidade e muito menos pela transparência dos seus atos. Isso fica claro na posição no ranking de transparência, cuja nota de Curral de Cima caiu de 5,11 para 1,40. O município encontrasse na 222ª posição entre os 223 municípios paraibanos.                       

(Assessoria / Totó Ribeiro)

LEIA TAMBÉM

POLITICA 8294481188147266931

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailer / Cinema

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item