CPI da Telefonia Móvel encerra trabalhos e Camila destaca compromissos assumidos pelas empresas na PB

FISCALIZAÇÃO -  A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instalada na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) para investigar as empresa...

FISCALIZAÇÃO A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) instalada na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) para investigar as empresas que prestam serviços de telefonia móvel encerrou nesta terça-feira (6), os trabalhos do ano com a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com a empresa Claro. Segundo a vice-presidente da Comissão, a deputada Camila Toscano (PSDB), serão investidos R$ 119 milhões pela empresa até o final de 2017.

“Tivemos um ano produtivo e encerramos com a assinatura de mais um acordo. Conseguimos que as quatro operadoras que atuam na Paraíba investissem juntas mais de R$ 200 milhões em melhorias na qualidade dos sinais de telefonia e de internet. E os integrantes dessa comissão estão de parabéns pela atuação em prol dos paraibanos”, comentou a deputada.

Segundo informou, no próximo ano a CPI será responsável apenas por fiscalizar os TAC assinados pelas operadoras. “As empresas se comprometeram e ficaremos atentos para o cumprimento de cada um dos itens acordados. Com esses investimentos acreditamos que teremos mais qualidade com a telefonia móvel do nosso Estado”, afirmou.

A CPI da Telefonia conseguiu o compromisso da TIM de investir na Paraíba um total de R$ 33 milhões até o final do próximo ano. Nesse mesmo período, também investirão em melhorias dos sinais a Vivo com R$ 48 milhões e a Oi com R$ 33 milhões. (Assessoria) 

LEIA TAMBÉM

POLITICA 2719255981489729491

Postar um comentário

emo-but-icon

VÍDEO / trailer / Cinema

Em CARTAZ nos CINEMAS!

Curta nossa FanPage

PLUGADOS NO TWITTER

Mais Lidas

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

item