Estudante de direito, filho do diretor do Hospital de Solânea comete suicídio

O jovem Yure Imperiano, com cerca de vinte anos, foi encontrado morto neste sábado (19), no banheiro da sua casa, onde morava com seus pais, na Rua Alfredo Bandeira, conhecida como “Rua do DETRAN”, na cidade de Solânea, Brejo paraibano. 

Yure era o filho mais novo do diretor do Hospital Regional de Solânea, Putifar Imperiano e da conselheira tutelar, Fátima Imperiano. O mesmo fazia Faculdade de Direito em Campina Grande.

De acordo com as primeiras informações a causa da morte foi por enforcamento. Familiares encontraram o jovem morto com um cinto no pescoço. O desespero tomou conta dos amigos e parentes que não sabem o motivo que o levou a cometer esse ato. (Com Verdade Regional)
Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário