Acusado de agredir namorada, Célio Alves entrega cargo de secretário adjunto de Comunicação

Após denúncias de suposta agressão à namorada, uma adolescente de 17 anos, o secretário-executivo da Comunicação Institucional da Paraíba, Célio Alves, divulgou nota a imprensa, na manhã desta sexta-feira (21), comunicando o afastamento do cargo.

Na nota, Célio trata a denúncia como trama arquitetada para lhe prejudicar. “Em razão da escancarada exploração política da trama arquitetada contra mim, e para ter o tempo dedicado à cobrança da rigorosa apuração de tudo, comuniquei ao governador Ricardo Coutinho, na manhã desta sexta (21), minha irrevogável decisão de me afastar do cargo”, diz a nota.

Em contato com o Portal MaisPB, Célio Alves disse que “em nenhum momento, nem a menor, nem os familiares dela, procuraram a polícia para denunciá-lo. Que a única queixa registrada até agora foi feita por ele, conforme boletim de ocorrência registrado última terça”.

O ex-secretário lembra que no dia do episódio solicitou pessoalmente a presença da polícia no seu apartamento.

Ele também “estranha os familiares da adolescente não terem acionado à polícia e ter buscado contato com a adversários políticos, dele e do governo”.

Confira a nota na integra abaixo:

NOTA

Em razão da escancarada exploração política da trama arquitetada contra mim, e para ter o tempo dedicado à cobrança da rigorosa apuração de tudo, a partir do próprio registro policial que fiz no último dia 18/10, comuniquei ao governador Ricardo Coutinho, na manhã desta sexta (21), minha irrevogável decisão de me afastar do cargo de secretário-executivo da Comunicação Institucional da Paraíba, que até então ocupei com afinco e probidade.

Agradeço ao governador Ricardo pela confiança que o fez nomear-me para o referido cargo, mas agora vou seguir a defender em outros espaços o projeto político que tem transformado a Paraíba para melhor.

É hora de lutar pelo prevalecimento da verdade, preservando meu nome e buscando reparação cível e criminal, na Justiça, contra os que a trama engendraram e os que a propagam.

“Viver é lutar.
A vida é combate
Que aos fracos abate
Que aos fortes, os bravos, 
Só pode exaltar”

Célio Alves

(De MaisPB)

Compartilhe no Google Plus
    Faça seu comentario pelo Gmail
    Faça seu comentario pelo Facebook

0 comentários:

Postar um comentário